terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Polícia apreende no Ceará metralhadora de 'alto poder destrutivo'

Metralhadora Lehky Kulomet, fabricada na antiga República da Tchecoslováquia, estava escondida em uma residência no Bairro Passaré (Foto: Leandro Silva/TV Verdes Mares)

A Polícia do Ceará apreendeu uma arma de calibre .30, que nunca havia sido apreendida no estado, durante uma operação em Fortaleza. A metralhadora Lehky Kulomet, fabricada na antiga República da Tchecoslováquia, estava escondida em uma residência na comunidade da Rosalina, no Bairro Passaré, e seria de propriedade de um homem que está preso em uma das Casas de Privação Provisória de Liberdade (CPPL).

A apreensão aconteceu no último sábado (3) e foi divulgada em coletiva na Delegacia de Repressões às Ações Criminosas Organizadas (Draco) nesta terça-feira (6).

A arma foi localizada após a polícia abordar um grupo que estava em um veículo parado "em atitude suspeita" na Rua Jacinto Matos, no Bairro Pirambu, no último sábado. No carro, estavam um homem de 18 anos, que responde por furto; uma mulher conhecida como "Gabi" e outro homem de 39 anos, ambos sem antecedentes criminais. Com eles, a polícia apreendeu alguns tabletes de maconha prensada.

Após a abordagem, os policiais seguiram até a residência de "Gabi", na Comunidade Rosalina, no Bairo Passaré e localizaram a arma e mais maconha. O material estava escondido em um fundo falso na sala.

No total, a polícia apreendeu a metralhadora Lehky calibre .30, 72 munições do mesmo calibre, cerca de 16 quilos de maconha prensada, além de uma pequena quantidade de cocaína, um caderno com a contabilidade do grupo criminoso, comprovantes de movimentações bancárias, celulares e a quantia de R$ 1,2 mil.

Em depoimento, “Gabi” confirmou que a arma pertencia ao seu companheiro identificado pelo apelido de “Maineime”, que atualmente cumpre pena em uma das Casas de Privação Provisória de Liberdade (CPPL).

O delegado Osmar Berto, titular da Draco, informou que a especializada investiga um grupo criminoso que teria essa arma com o intuito de utilizá-la em assaltos a instituições financeiras e carros-fortes. “Nós investigávamos a chegada desse armamento do Ceará, então descobrimos onde estaria escondida”, disse o delegado.

*G1 CE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opine com responsabilidade sem usar o anonimato!

A Liberdade de Expressão... está assegurada, em Lei, à todo Cidadão,LIVRE!

Entre em contato - E-mail: nossoparanarn@gmail.com