terça-feira, 19 de junho de 2018

Secretaria de Educação conclui formação continuada do PNAIC com professores do município de Francisco Dantas

“A Educação é e sempre será à base de uma cidade, de um país, de um mundo melhor, pois não podemos falar em cidadania, democracia, evolução, sem que a Educação seja fortalecida. Na rede municipal de Francisco Dantas, este fortalecimento veio através do Pacto Nacional de Alfabetização na Idade Certa (PNAIC), com o propósito de contribuir com a melhoria da prática em sala de aula.

Durante a formação continuada do PNAIC, as professoras participaram de formações que contribuíram para a melhoria na prática de leitura e escrita na Educação Infantil. Nesta semana foram encerrados os encontros presenciais.


Veículo é tomado de assalto em Major Sales-RN

Quatro meliantes  levaram o veículo, celulares e uma quantia em dinheiro e abandonaram duas motos, provavelmente com queixas de roubo...

PM em diligências ...

Vieirense é agraciado com "Comenda" pelos relevantes serviços prestados a população macauense

A Câmara Municipal de Vereadores, sediada no Palácio Rodolfo Solíno na Cidade de Macau,RN. Em sessão solene realizada na na tarde desta terça-feira(19) concedeu uma "Comenda" ao ex-comandante José Marcos Honorato de Carvalho, em reconhecimento pelos relevantes serviços prestados a população macauense, quando comandou a 1ª Companhia Independente da Policia Militar(1ª CIPM) de Macau-RN por um período de 9 meses e 10 dias. 

O Major Carvalho é natural da cidade de Marcelino Vieira-RN..


Policiais Civis em Foco - 19ª edição



O SINPOL-RN divulgou, nesta segunda-feira (18), a 19ª edição do Policiais Civis em Foco. No vídeo desta semana, foram contabilizadas 44 prisões e dois adolescentes apreendidos.
Os dados são relativos ao período de 11 a 17 de junho. O material do Policiais Civis em Foco é produzido pelos próprios Agentes e Escrivães e enviado para compilação por parte do SINPOL-RN.

Cerca de 20 detentos fogem de penitenciária em Juazeiro do Norte, no Ceará

Vinte detentos fogem da Penitenciária Industrial Regional do Cariri, no Ceará, por meio de um túnel. (Foto: Reprodução/TV Verdes Mares)

Cerca de vinte detentos fugiram da Penitenciária Industrial Regional do Cariri (Pirc), no Ceará, nesta terça-feira (19). Eles escaparam por meio de um túnel que escavaram e cuja saída era logo ao lado do muro da prisão.

Segundo o Comando de Policiamento de Juazeiro do Norte, até o início da noite da terça, 12 dos fugitivos foram recapturados.

A Secretaria da Justiça e Cidadania do Ceará (Sejus) afimou que os agentes penitenciários estão recontando os presos e só fará um pronunciamento oficial com mais detalhes sobre a fuga depois da recontagem.

*G1 CE

Mulher é executada a tiros em frente à Prefeitura de Alto do Rodrigues, RN

Uma mulher foi morta a tiros no início da tarde desta terça-feira (19), no município de Alto do Rodrigues, na região Oeste potiguar. De acordo com a Polícia Militar, a mulher estava em uma praça que fica em frente à prefeitura da cidade, quando uma pessoa em um carro se aproximou da vítima e efetuou os disparos.

Ainda segundo a PM, a mulher, ainda não identificada, morreu na hora. Ninguém foi preso.

*G1 RN

Polícias Civil com a colaboração da PM identifica autores de incêndios criminosos contra veículos da Prefeitura de Umarizal/RN.

Polícia Civil de Umarizal, concluiu as investigações referentes à dois incêndios criminosos registrados nos dias 04 e 08 de junho do corrente ano contra veículos da prefeitura do  município de Umarizal/RN, oportunidade em que foram incendiados no pátio do Centro Administrativo daquela cidade. 

Através de um trabalho conjunto com a Polícia Militar de Umarizal, realizou-se diligências dentro dos autos do inquérito policial instaurado para apurar os fatos, sendo possível identificar os autores do ilícito, bem como a motivação deste. Os dois atentados foram orquestrados por membros do Primeiro Comando da Capital-PCC e tinha como objetivo atingir bens públicos, como represália à suposta opressão sofrida por membros daquela facção nos presídios potiguares. Os autores do crime foram Carlos André da Silva, 24 anos, João Bezerra de Farias,  22 anos e o um adolescente de 16 anos. 

Os três indiciados, sob o comando e seguindo diretrizes do PCC pularam o muro do pátio do Centro Administrativo e atearam fogo em veículos ali estacionados, atingindo um ônibus de transporte de estudantes, um caminhão, uma máquina retroescavadeira e um automóvel. O inquérito foi concluído, relatado e remetido ao Poder Judiciário para as providências necessárias. 

As investigações irão prosseguir no intuito de localizar e identificar os demais membros da facção criminosa que participaram do fato. Com mais este crime elucidado, as Polícias Civil e Militar de Umarizal reafirmam seu compromisso com a sociedade Umarizalense, que através de um trabalho proativo, vem trazendo paz social aos habitantes desta cidade. Na oportunidade, vem a Polícia Civil, representada neste Município pelos Delegados Sandro Reges e Paulo Nilo agradecer ao empenho e disponibilidade do subtenente Azevedo, que através de informações e participação ativa nos atos de investigação, nos auxiliou na elucidação dos fatos criminosos.

*Umarizal News

Vereadora do Paraná que apresentou atestado e viajou para o Rock in Rio é afastada

Nanci Andreola postou fotos nas redes sociais do dia em que esteve no Rock in Rio (Foto: Reprodução/Facebook)

A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, aprovou nesta terça-feira (19) por 14 votos a um o projeto de resolução que determina o afastamento de 30 dias da vereadora Nanci Rafain Andreola (PDT) por quebra de decoro parlamentar.

A punição foi indicada pelo Conselho de Ética, que investigou uma denúncia apontando que Nanci apresentou um atestado para justificar a falta na sessão realizada um dia antes de viajar para o Rock in Rio, em setembro de 2017, sem ter comparecido ao médico.

Durante o afastamento, a vereadora não receberá o salário referente ao tempo de suspensão do mandato.

O relatório final elaborado pelo vereador João Miranda (PSD) foi lido na sessão do dia 6.

Para o relator, o atestado apresentado pela vereadora não pode ser considerado válido, já que Nanci assumiu que não foi à consulta e que o médico que teria assinado o atestado disse ao conselho que não emitiu o documento.

O caso também é investigado pelo Ministério Público Estadual (MP-PR), que a denunciou por falsificação de documento particular e uso de documento falso.

O MP solicitou à Câmara ainda outros atestados eventualmente apresentados por Nanci ou assinados pelo mesmo médico.

A defesa de Nanci declarou ter sido correta a decisão dos vereadores de suspendê-la por 30 dias e destacou que ela foi vítima de perseguição política.

O advogado Gustavo Guedes destacou ainda que a vereadora deve responder criminalmente por uso e não por confecção de documento falso.

O atestado

Em depoimento encaminhado por e-mail ainda em maio, o médico Maxsuel Fidélis da Pádua Almeida afirmou que o atestado atribuído a ele e apresentado pela vereadora é falso.

Questionado, o médico disse não conhecer Nanci, que soube da notícia pelos jornais e que não reconhece o documento, de uma clínica em Campina Grande do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

"Não confirmo a emissão do atestado, e ainda menciono que a letra e a assinatura do atestado não é minha", declarou Almeida.
Atestado médico é do dia 21 de setembro de 2017, um dia antes do festival de música no Rio de Janeiro (Foto: Reprodução/RPC)

O caso

A vereadora passou a ser investigada por quebra de decoro parlamentar depois de uma denúncia apontar que ela usou o documento para justificar a falta a uma sessão, no dia 21 de setembro de 2017.

No dia seguinte, ela postou fotos no Rock in Rio, festival de música do Rio de Janeiro.

Em nota, a vereadora falou que o atestado foi entregue a uma pessoa de confiança dela e que os “responsáveis por eventual ilícito deverão ser identificados e punidos”. Nanci não voltou a afirmar, no entanto, ter passado por consulta médica.

*G1 PR e RPC Foz do Iguaçu

Criminosos invadem casa e executam dois irmãos durante madrugada

Crime aconteceu no setor Costa Esmeralda, em Araguaína (Foto: Portal Fatos e Notícias/Divulgação)

Dois irmãos foram executados a tiros em Araguaína, norte do Tocantins. Conforme a Polícia Militar, o crime aconteceu na madrugada desta terça-feira (19), por volta de 00h40, no setor Costa Esmeralda. Jandergudson Ribeiro da Silva, de 19 anos, e Jadielson Ribeiro da Silva, de 15 anos, morreram no local. A suspeita da polícia é de que o crime se trate de um acerto de contas. Uma jovem que estava na casa conseguiu escapar após se esconder e pular uma janela.

Testemunhas contaram à polícia que os atiradores chegaram no local e começaram a jogar pedras no telhado da casa. Porém, como ninguém apareceu, eles arrobaram a porta dos fundos e atiraram na cabeça dos dois irmãos. Os criminosos fugiram sem levar nada.

Ainda segundo a Polícia Militar, testemunhas contaram que os jovens teriam envolvimento com suspeitos de crime. Além disso, dentro da casa foram encontradas porções de maconha.

A polícia fez buscas pelos suspeitos, mas não conseguiu encontrá-los. A perícia esteve no local e a Polícia Civil iniciou as investigações.

Corpos foram recolhidos pelo IML (Foto: Portal Fatos e Notícias/Divulgação)

*G1 Tocantins

PF prende em flagrante suspeitos de pornografia infantil no RN

Polícia Federal cumpriu mandados de busca e apreensão em cinco cidades do RN (Foto: PF/Divulgação)

Pelo menos cinco pessoas foram presas em flagrante na manhã desta terça-feira (19), durante a Operação Innocence, deflagrada pela Polícia Federal em cinco cidades do Rio Grande do Norte. A ação tem objetivo de combater crimes relacionados à pornografia infantil na internet. 60 policiais federais cumprem 12 mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal em Natal, Parnamirim, Mossoró, Acari e Apodi.

De acordo com a PF, o inquérito policial que resultou na operação teve início em 2017. Os investigados são suspeitos de compartilhar arquivos envolvendo pornografia infanto-juvenil em redes sociais, armazenar e transmitir imagens com conteúdo sexual envolvendo crianças e adolescentes.

A Corregedoria da Secretaria da Justiça e da Cidadania do estado também acompanhou uma das buscas, por causa do "possível envolvimento" de um servidor do sistema penitenciário.
Materiais de informática foram apreendidos pela Polícia Federal em operação de combate à pornografia infantil em 5 cidades do RN (Foto: PF/Divulgação)

Até a última atualização da corporação, cinco suspeitos foram presos em flagrante por terem sido encontrados arquivos contendo pornografia infantil em seus computadores no momento das buscas. "Outras prisões podem ocorrer ao longo do dia", informou a PF.

Os detidos devem responder à Justiça por crimes de produção, reprodução, registro, oferta, troca, publicação e transmissão de imagens e vídeos pornográficos envolvendo crianças e adolescentes. A pena para esses crimes varia de 3 a 8 anos de prisão.

*G1 RN

Caso Iasmin: após 56 dias, corpo de menina de 12 anos é identificado e sepultado em Natal

Corpo da menina Iasmin Lorena, de 12 anos, foi sepultado logo após ser liberado pelo Itep, em Natal (Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi)

Quase dois meses depois que a polícia encontrou um corpo enterrado em uma casa na mesma rua onde Iasmin Lorena de Araújo, de 12 anos, havia desaparecido no dia 28 de março, na comunidade da África, Zona Norte de Natal, um exame de DNA confirmou o cadáver como sendo o da menina. Um homem que trabalhava no imóvel foi preso e confessou o crime.

De acordo com o diretor do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep), Marcos Brandão, o laudo que confirmou a idade do corpo saiu no final da semana passada. Após os trâmites, a família foi chamada para liberar o corpo nesta terça-feira (19) e o sepultamento aconteceu por volta das 11h no cemitério da Redinha.

Segundo Brandão, houve dificuldade na identificação da vítima por causa do estado em que o corpo foi encontrado, já em decomposição. Na primeira tentativa de exame de DNA foram usados tecidos da pele, mas o estudo não foi conclusivo. Ao todo, foram três tentativas. Na última, o perito do Itep, que fez o exame em parceria com um laboratório do Ceará, usou uma cartilagem do arco costal.
Casa onde o corpo foi encontrado (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

"Já existia um entedimento que o corpo era de Iasmin, mas a perícia tem uma base científica que deve confirmar isso. Foi feito um exame de linhagem, com amostras coletadas com os pais e a probabilidade de o corpo não ser dela é de uma para 17 quatrilhões. É uma margem de praticamente 100% de certeza", explicou Marcos Brandão.

O crime

Iasmin Lorena de Araújo desapareceu no dia 28 de março, em Natal (Foto: Arquivo da Família/cedida)


Iasmin foi vista com vida pela última vez por volta das 13h do dia 28 de março. De acordo com a família, a menina saiu de casa, na Rua José Acácio de Macedo, na comunidade da África, na Redinha, para entregar um dinheiro a uma vizinha a pedido da mãe. A mulher que receberia o dinheiro mora em uma rua próxima, e disse que a menina sequer chegou ao destino. A família então procurou a polícia e fez uma queixa do desaparecimento dela. Desde então, começaram as buscas por Yasmim.

O corpo de Iasmin foi encontrado por cães farejadores do canil do Batalhão de Choque da Polícia Militar na tarde da terça-feira 24 de abril, quase um mês depois do desaparecimento. Ele estava enterrado dentro uma casa inacabada no bairro da Redinha, na Zona Norte da cidade. A rua é a José Acácio de Macedo, a mesma onde a menina morava.

Policiais civis e militares, e mais uma equipe de resgate do Corpo de Bombeiros, participaram das buscas. Familiares da menina também acompanharam o trabalho. Os investigadores chegaram ao imóvel após uma denúncia anônima.

Preso

Vizinho da família de Iasmin, o pedreiro Marcondes Gomes da Silva, de 45 anos, que trabalhava no imóvel onde o corpo foi encontrado, confessou o crime. Suspeito do desaparecimento da menina, ele foi preso no dia 26 de abril, dois dias após o corpo ser encontrado, em uma praia do município de Touros, no Litoral Norte potiguar. Na versão contada aos investigadores, o pedreiro afirmou que agiu sozinho. Ainda de acordo com Marcondes, ele matou a menina após ela recusar um pedido dele para terem relação sexual. Ele teria a estrangulado.

Pedreiro Marcondes Gomes da Silva foi preso no litoral potiguar e confessou o crime (Foto: PM/Divulgação)

*G1 RN

É hoje, às 19h em Pau dos Ferros!


Entre em contato - E-mail: nossoparanarn@gmail.com